Amar Sem Distinção

      Amar sem distinção é expulsar do coração todo e qualquer sentimento de rejeição e quando falamos em amar ao próximo, em nenhum momento deveremos questionar aparências ou preferências, porque quando fazemos uso de critérios conservadores ou discriminatórios e permitimos que os preconceitos sejam mais fortes, isso não é amor. Dizer que ama é fácil, difícil é amar sem precisar dizer.

A família precisa assumir um papel fundamental sobre o que é amar sem distinção e mostrar ao mundo que nesse sentimento não pode haver dependências de opiniões ou preocupações em relação como devemos amar e se algum dia nos preocuparmos mais com o que as pessoas pensam de que propriamente com a quem poderíamos amar, estaremos cegos ou loucos porque na vida somos espíritos viajantes em forma humana, mais cedo ou mais tarde entraremos em órbitas diferentes onde beleza e sexualidade são invisíveis e o nosso amor se transformará em estrelas visíveis ao mundo.

Amar sem distinção é ter a consciência de que também fazemos as nossas escolhas e por isso nada mais lógico de procurar entender as escolhas alheias, só assim nos aproximaremos dos ensinamentos do mestre que em nenhum momento fala a quem devemos amar senão o próximo. Abra os braços e acolha, somos todos diferentes, mas não podemos ser indiferentes quanto ao valor do amor, esse continua sendo o mais importante dos sentimentos porque dentro dele mora o perdão.

Somos as folhas de outono que o vento leva, nos desprendemos dos galhos não para nos perder, e sim para ganhar a liberdade e voar, mas não somos avisados quando deixaremos a nossas árvore, assim é a vida e entender o porque de tantas coisas está além do nosso conhecimento, o ideal é esperar o dia em que tudo se esclareça, mas antes disso vamos amar sem distinção e deixar que o enigmático tempo, no tempo certo coloque a gente frente a frente com quem amamos, então veremos o quanto foi valioso amar sem distinção.

Maninho.

 

Tags

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

top