Lições da natureza

Lições da natureza mostra que ela é a mãe da sabedoria. Diariamente nos ensina como viver em harmonia e tornar a vida menos cansativa e mais saudável. Pequenos atos se transformam em grandes mudanças, e essas mudanças transforma nossas vidas fazendo valer uma teoria bastante conhecida, vivendo e aprendendo.

 

     Aprender e colocar em prática nosso aprendizado e esperar os efeitos positivos e a recompensa pela coragem e atitude. Sugiro observar os pássaros, quem não tiver a oportunidade de vê-los, pesquise sobre eles e verá como são inteligentes e surpreendentes.

     Começaremos com um novo dia para eles: Mesmo antes dos primeiros raios de sol atingirem a copa das árvores, ainda com o frio da madrugada eles iniciam uma festa, com seus cânticos vão acordando uns aos outros, é como se cantassem para festejar um novo dia. Eles sabem que terão de voar para encontrar alimentos, se protegerem de caçadores e predadores, construírem ninhos, alimentar os filhotes e muito mais. Ao entardecer mesmo cansados, eles se recolhem aos seus ninhos ou galhos e cantam novamente para agradecer por mais um dia.

     E nós, ou alguns de nós, já nos levantamos com o dia claro, e muitas vezes reclamando da vida, e no café da manhã não da nem um bom dia para quem fez o café, acha injusto ter que acordar cedo e se esquece de agradecer por mais um dia, quando o ideal seria sorrir para a vida.

     Os pássaros, fazem seus ninhos de forma segura para esperar os filhotes, e quando eles nascem, começa um compartilhamento impressionante, se revesam na procura de alimentos, na limpeza do ninho, na segurança, nas lições de sobrevivência, e por mais cansativo que seja o dia, estão sempre juntos e nunca abandonam seus filhotes, e continuam cantando.

     Em alguns de nós, com a chegada dos filhos,é a mãe  quem fica sobrecarregada com uma luta incansável, levantar várias vezes a noite a qualquer sinal de desconforto da criança, acorda cedo dorme tarde, faz quase tudo. E o que seria lógico seria compartilhar as tarefas,mas a maior parte fica com a mãe.

     Durante dez anos em meu trajeto para o trabalho eu passava em frente a uma reserva ecológica, e observava dezenas de garças que pela manhã voavam para o outro lado do mangue e a tarde retornavam, elas bem que podiam descer das árvores e se alimentarem, mas elas sabem que se deixarem de voar, o ciclo de vida diminui. E nós encontramos tempo para quase tudo, mas não temos tempo de praticar uma atividade física, e essa atitude coloca em perigo nossa saúde. E o mais agravante,sabemos disso e não fazemos nada para corrigir.

     Os patos selvagens voam em forma de v, uma forma de voarem com revesamento, o da frente corta as correntes de ar, e quando se cansa revesa com o mais próximo, a jornada é longa e para chegar todos devem participar. Se em sua casa ou trabalho tem alguém com excesso de tarefas,torne essa tarefa mais suportável, participe, e mesmo que não venha o reconhecimento de imediato um dia virá. O importante é que você fez a diferença. Hoje os pássaros nos ensinaram que cantar é bem melhor que reclamar, e se diminuirmos nossa reclamações e aumentarmos nossos agradecimento, a vida terá muito mais sentido.

 

     Ass.  Maninho.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

top