O Amor É Para Sempre

      O amor é para sempre e nada pode nos separar quando ele  existe, a distância ou a ausência definitiva jamais poderá diminuir esse sentimento, porque somos um grande cais e quando um barco desprende-se e desaparece entre as névoas não o vemos, mas nunca o esqueceremos. Muitas vezes olhamos a imensidão do mar e temos a impressão que ele está retornando, mas logo caímos na realidade de que ele não navegará mais nessas águas, mas um dia todos os barcos voltarão aos seus ancoradouros.

Vamos continuar amando e amar não é ver ou tocar, é sentir. É verdade que sofremos muito com a saudade e muitas vezes ela faz em nossos corações a sua morada, mas só o amor é para sempre e quanto mais tempo passa ficamos presos ao nosso próprio porto e procuramos âncoras mais resistentes para suportar o balanço das tempestades.

O vento ainda vai balançar muitas vezes o nosso barco, já que não temos controle sobre ele vamos aprender a direcionar as nossas velas, mas é preciso continuar navegando até encontrarmos um porto seguro para atracar a nossa embarcação. Essa é a vida, tal qual um barco em meio a uma tempestade onde o frio e o vento nos faz pensar que acabou, mas não podemos desistir, quem sabe a sorte olhe novamente para nós e possamos navegar em águas mansas, mas se vierem as tormentas que tenhamos força para resistir.

O vento balançou a árvore e os seus galhos varreram o chão mas nenhum ninho caiu, quem controla o universo viu que foram construídos com carinho e quando a tempestade passou os pássaros cantaram em agradecimento e exaltaram pela proteção. É, até mesmo nos momentos em que pensamos que estamos perdido, alguém prova que nos ama e o amor é para sempre, quem vai ou quem fica estará sempre nos planos do amor eterno e nunca estaremos sozinhos.

Maninho

 

Tags

One comment

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

top